21 dezembro 2017

dinâmicas: GeoLogística Portuária

publicado: 21/12/2017  atualizado: 24/08/2017
JOGOS E DINÂMICAS - Ensino técnico / superior



Minha formação acadêmica, inclui, além de Geografia, Comércio Exterior e Logística. A experiência profissional também. Por isso, resolvi desenvolver alguns jogos na área de logística, mais especificamente, no seu segmento portuário. Há tempos que eu tinha esse projeto em mente e até juntei, com o passar do tempo, muito material sobre o tema, do qual gosto muito.  Agora, tudo isso tornou-se realidade.

O primeiro jogo desta nova série é o GeoLogística Portuária. Trata-se de um jogo de cartas que também pode ser de tabuleiro, ou, seria um jogo de tabuleiro que pode ser de cartas?  Bem, não importa. Na verdade, há mil e uma maneiras de jogar GeoLogística Portuária.

Antes de mais nada, quero explicar a base das informações deste jogo. Elas foram tiradas de uma cartilha da Antaq – Agência Nacional de Transportes Aquaviários, publicada há alguns anos. Utilizei bastante essa cartilha nas minhas aulas na faculdade e, para facilitar, fiz uma adaptação e montei uma apostila (clique aqui para acessá-la). Retirada da cartilha, a ilustração abaixo demonstra bem o fluxo das prestações de serviços na logística de um porto, bem como os seus respectivos prestadores na movimentação de carga geral e de contêineres:



Em resumo, GeoLogística Portuária é um jogo que aborda, abrange, contempla, enfim, apresenta a organização geral dos serviços portuários, e desafia seus participantes a mostrarem que estão por dentro de tudo o que acontece na logística portuária, seja no mar, no porto, num terminal ou numa empresa do retroporto.

Recomendo o uso deste jogo como complemento prático às aulas ou materiais de leitura, com a proposta de resolução de desafios. É claro que, em todo jogo, existe o fator sorte. Sim, é o caso de GeoLogística Portuária. Mas, não é o fator predominante. O conhecimento prévio e a estratégia são muito mais importantes e decisivos.

O jogo

GeoLogística Portuária é composto por 102 cartas, conforme o quadro abaixo:


Cada carta de prestador de serviço faz par com um único e respectivo serviço prestado. As exceções ficam por conta da Estiva e da Capatazia. Cada uma dessas áreas possui 9 cartas que compõem um conjunto que pertence a um único prestador de serviço.


Embora o jogo possa ser jogado apenas com as cartas, ele também pode conter um tabuleiro, delimitado pelas áreas denominadas mar, porto, terminal e retroporto, como o sugerido na figura abaixo:



Regras

Relembrando o que foi dito na introdução deste ‘post’, GeoLogística Portuária pode ser jogado de mil e uma maneiras. Porém, vou passar a regra básica do jogo. As adaptações, é claro, são permitidas e ficam a critério de cada um. Aliás, não deixa de ser um desafio... traçar novas regras e estratégias... Um viva para a sala de aula invertida!!!



Ôpa! Voltando às regras:

1) Embaralhar todas as cartas (serviços e prestadores)

2) Distribuir 6 cartas a cada participante (o ideal é de 2 a 6 jogadores)



 3) Na mesa, ou no tabuleiro, posicionar, aleatoriamente, 20 cartas com as faces voltadas para cima, à vista de todos.



4) As cartas restantes deverão se posicionadas, num monte e com a faces voltada para baixo, em qualquer lugar da mesa ou do tabuleiro.



  5) Depois de se decidir a ordem dos participantes, o primeiro a jogar deve ‘comprar’ uma carta, ou da mesa/tabuleiro ou do monte. Em seguida, verificar se alguma das cartas que possui, fazem ‘par’. 

  Em outras palavras, ele deve verificar se possui a carta de um serviço portuário e a carta do prestador desse serviço. Para ajudar nessa identificação, os números do serviço e do prestador são iguais. Em caso afirmativo, ele pode descartar, esse e os demais pares que possui na mão, colocando cada par em sua respectiva área (mar, porto, terminal e retroporto) no tabuleiro. Ao final de sua jogada, deverá, obrigatoriamente, descartar uma carta de sua escolha. E assim sucessivamente, entre todos os participantes.

6) O vencedor será aquele que, primeiro, ficar sem nenhuma carta na mão.

Bem, esta é uma regra básica. Algumas variações, tais como, definição de objetivos, sequências dos serviços, etc. com certeza tornarão o jogo mais desafiador e interessante.

Em breve apresentarei outras maneiras de jogar GeoLogística Portuária, postando cartas, cartões e complementos.




Porém, este jogo ainda não está disponível para venda nem distribuição. Ele faz parte de um projeto de oficina e workshop, que logo, logo divulgarei.


É isso!!!



4 comentários:

  1. Boa tarde amei seu trabalho com jogos!Gostaria de adquirir o dominó estados brasileiros para trabalhar com meus alunos! obrigada fico no aguardo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde! Obrigado pelo contato.
      Você pode fazer o download gratuito do modelo da caixinha para montar (e do jogo também)...
      é só participar do nosso grupo no Facebook:
      https://www.facebook.com/groups/classeinvertida/

      Atenciosamente,
      Professor Marcos Bonanato

      Excluir
  2. Anônimo6/3/18 21:49

    Como comprarlos desde Argentina. Gracias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo seu contato. Por gentileza, informe o seu e-mail, que eu lhe enviarei os arquivos em PDF desse jogo, para que você possa imprimir e jogar.
      Atenciosamente,

      Excluir